Notícias

Soja tem leves perdas em Chicago nesta 5ª

Soja destacão - Foto: CNAO mercado da soja recua nesta quinta-feira (20) na Bolsa de Chicago e, por volta de 8h20 (horário de Brasília), as cotações perdiam entre 3,75 e 5,25 pontos, levando o novembro a US$ 9,08 e o março/21 a US$ 9,17 por bushel. Os traders mantêm sua postura mais cautelosa e acompanham o levantamento de dados do Crop Tour ProFarmer, em andamento nos EUA para avaliação da safra 2020/21.

Mais do que isso, o mercado também se ajusta depois de bater nas máximas em sete meses e espera por novas informações para que continue se posicionando. Ainda assim, permanece no centro das atenções as questões ligadas à demanda e ao clima no Corn Belt.

Segundo Steve Cachia, consultor de mercado da Cerealpar, as baixas revelam ainda que "os traders já estão antecipando que o crop tour da ProFarmer pode não confirmar as perdas esperadas após passagem da tempestade Derecho na semana passada". 

Nesta quinta-feira (20), caem todas as commodities, e não só as agrícolas. "Petróleo tem 1% de baixa, mostrando também que os fundos de commodities estão em modo de liquidação, ou para garantir alguns lucros ou para se proteger contra o pessimismo relacionado a Covid e economia global. O dólar em leve alta com postura também de aversão ao risco dos traders", completa Cachia.

Ainda hoje, o mercado recebe também os números das vendas semanais para exportação no boletim do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) e as expectativas indicam volumes elevados.

#ParceriaAgro

FONTE: Notícias Agrícolas(Carla Mendes | Instagram @jornalistadasoja)