Notícias

Argentina avança na exportação de milho

milho argentina Capturar 129Os embarques estimados de milho na Argentina, em agosto, foram os mais altos da história, segundo informações da T&F Consultoria Agroeconômica. “Artigo assinado pelos economistas Bruno Ferrari e Emilce Terré, no informe semanal da BCR registra que, em agosto, os embarques de milho foram estimados em 4,63 milhões de toneladas, o que seria um recorde histórico, com os estoques permanecendo elevados”, comenta.

“O atual ano de milho 2019/20 começou seu ciclo de negócios com uma oferta total estimada em 54,6 milhões de toneladas, sendo um recorde de todos os tempos até agora e representando o dobro do que estava disponível há uma década. Por sua vez, considerando que somente no mês atual de setembro a safra dos EUA entrará no mercado, Argentina e Brasil têm sido os protagonistas em termos de exportações de cereais”, completa.

Os embarques ao exterior de milho local totalizam 25,4 milhões de toneladas até agora do ano comercial 2019/20, iniciado em março. “Isso implica 13% a mais do que na temporada anterior e quase 90% acima do alcançado no ciclo 2017/18, quando condições climáticas severas afetaram severamente os rendimentos obtidos pela cultura”, informa.

“É importante ressaltar que os 4,63 Mt enviados em agosto de 2020 são estimativas preliminares com base em dados fornecidos pela NABSA. Se esta tonelagem despachada for confirmada, estaríamos enfrentando o mês com os maiores embarques de milho da história argentina. Nesse sentido, diante da iminente presença dos EUA no mercado, parece que todos os esforços para despachar o máximo de milho possível foram unidos”, conclui.

#ParceriaAgro

FONTE: AGROLINK(Leonardo Gottems)