Notícias

USDA: colheita avança rápido e EUA já finalizaram 38% da soja e 25% do milho

milho americanoO Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) divulgou seu novo boletim semanal de acompanhamento de safras nesta segunda-feira (05) atualizando os dados para as lavouras de soja e milho.

Para a oleaginosa, o departamento indicou que 38% das lavouras haviam sido colhidas até o último domingo (04), um salto em comparação aos 20% registrados na última publicação na semana anterior. O índice ainda ficou a frente dos 28% de média das últimas cinco safras.

O USDA informou ainda que 64% das lavouras estão com índices bons ou excelentes, 26% em médio e 10% em estados ruins ou muito ruins. Na última semana estes percentuais eram de 64%, 26% e 10% respectivamente.

Por fim, 85% das lavouras já estão na fase de desfolha contra 74% da semana anterior e 82% da média das últimas cinco safras.

Segundo o site internacional Farm Futures, os analistas esperavam que a agência não fizesse alterações nas classificações de qualidade da soja, com 64% da safra sendo classificada em condições boas a excelentes. A expectativa também era de que o USDA relatasse um progresso de colheita de 36% até 04 de outubro.

Milho

Já no milho, a colheita atingiu 25% das lavouras dos Estados Unidos até o último domingo (04), crescendo dos 15% da semana encerrada em 27 de setembro, e dos 24% registrados na média das safras entre 2015 e 2019.

O Departamento reportou também que 62% das lavouras estão em condições boas ou excelentes, 25% em médias e 13% em ruins ou muito ruins, contra os índices de 61%, 25% e 14% da semana anterior respectivamente.

Por fim, o relatório demonstra que 87% das lavouras já estão maduras contra as 75% registradas até a última publicação de 78% da média das cinco safras anteriores.

De acordo com a Farm Futures, os analistas previam que a agência mostrasse que 26% da safra de milho deste ano teria sido colhida até 04 de outubro e que mantivesse as classificações de qualidade estáveis, com 61% da safra classificada como boas ou excelentes condições.

#ParceriaAgro

FONTE: Notícias Agrícolas(Guilherme Dorigatti)