Notícias

Soja segue em baixa em Chicago nesta 4ª de olho na demanda chinesa e clima nos EUA

Soja destacãoOs futuros da soja seguem recuando na Bolsa de Chicago no pregão desta quarta-feira (19). Perto de 7h50 (horário de Brasília), as cotações cediam entre 8,75 e 11,75 pontos, com o julho sendo cotado a US$ 15,62 e o novembro a US$ 13,90 por bushel.

Segundo informações de analistas e consultores de mercado, a China estaria rolando algumas compras de soja para meses mais a frente diante das apertadas margens de esmagamento no país.

O setor de suínos sentindo a pressão da Peste Suína Africana e mais a mudança na composição da alimentação animal com menos utilização de farelo de soja, como explicou o diretor geral do Grupo Labhoro, Ginaldo Sousa, em sua última entrevista ao Notícias Agrícolas, ajuda intensificar o movimento.

As notícias, inclusive, dão espaço maior para a correção dos preços nos vencimentos mais próximos.

Ainda pesam sobre os preços também a melhora das condições climáticas nos EUA, com chuvas mais volumosas e bem distribuídas sendo esperadas pelos próximos dias, bem como as temperaturas subindo.

O mapa abaixo mostra a previsão para o período de 19 a 24 de maio, com destaque para bons volumes sendo esperados para as Dakotas.

Chuvas nos EUA 19 a 24 de maio - Fonte: NOAA

Chuvas nos EUA 19 a 24 de maio - Fonte: NOAA

FONTE: Notícias Agricolas(Carla Mendes | Instagram @jornalistadasoja)