Notícias

Futuros caem mais 0,5% em Chicago

bolsa de chicago CBTO85b7cd556fe2fOs futuros da soja caíram mais 0,5% na Bolsa de Chicago, continuando com a costumeira volatilidade, de acordo com informações divulgadas pela TF Agroeconômica. “Poucas mudanças, em um dia volátil, com operadoras que mantêm incertezas devido ao estado das safras e ao futuro do clima. O petróleo reverteu as quedas da manhã e estava sendo negociado em alta, fornecendo suporte”, comenta.

“Com isto, os futuros da soja CBOT apresentaram tendência de queda nesta quinta-feira, depois de se recuperar na quarta-feira, com os preços pressionados pela queda nos futuros do óleo de soja. O contrato do primeiro mês de agosto estava sendo negociado a $ 13,67/bu no fechamento, estável no dia, enquanto os contratos da nova safra caíram 0,2-0,5%. As previsões meteorológicas dos EUA continuam no centro das atenções, mas pouco mudou desde quarta-feira para empurrar o mercado para uma mudança substancial de sua posição atual”, completa.

Os mercados externos inclinaram-se de forma favorável durante a sessão, com uma ligeira recuperação nos futuros do petróleo bruto WTI e a tendência de queda do dólar americano. “No entanto, os preços do petróleo ainda estão muito abaixo do pico alcançado em 5 de julho e o WTI está longe de recuperar as perdas de quarta-feira, o que está aumentando a pressão sobre os mercados de óleo vegetal, com os futuros de óleo de soja sendo negociados ligeiramente mais baixos no dia e lançando algumas luzes pessimistas sobre a soja”, indica.

“Com os investidores se aquecendo com o relatório Wasde do USDA que será lançado na próxima segunda-feira, os analistas esperam uma perspectiva ligeiramente reduzida para a produção de soja de 2021/22 e os estoques finais, segundo uma pesquisa conduzida mostrou nesta quinta-feira", conclui.
FONTE: AGROLINK(Leonardo Gottems)