Notícias

Soja cai no RS e sobe em SC

soja 154safra jj57asNo estado do Rio Grande do Sul, os negócios continuam a título de manutenção, com os preços da soja caindo no estado, de acordo com informações que foram divulgadas pela TF Agroeconômica. “Os preços futuros para entrega em setembro e recebimento em abril de 2022 sobem sem parar e marcaram hoje valores de R$188,00 no CIF Porto. Os preços de pedra Panambi, por sua vez, também prosseguem alcançando altas consideráveis e contaram hoje com nova valorização de R$2,00, indo então a R$160,00/saca”, comenta.

Nesse cenário, a soja catarinense segue subindo, mas sem negócios. “Agora, com a saída do relatório USDA os produtores continuarão segurando esses preços mais altos por algum tempo. Por conta dos diversos fatores que relacionam níveis de preços, produção e estoque indicados pelo relatório, as indicações de oferta que já estavam apertadas acabaram ficando ainda mais, nesse momento não há motivo para diminuir os preços, os mercados com poucos volumes disponíveis seguem bastante parados, hoje foi outro dia sem negócios”, completa.

O Paraná segue travado, com comercialização muito avançada em especial no Oeste. “O Paraná está com dificuldade de movimentar o mercado há mais de um mês. Isso se deve, em especial, às margens de esmagamento que seguem em queda, mas é também um reflexo direto do relatório USDA que deu motivos para que a saca de soja in natura passasse por novas valorizações”, indica a consultoria.

“Dificilmente ocorreriam negócios em grande quantidade em ofertas abaixo de R$180,00, com o dólar subindo e as perdas de qualidade geradas pelas variações climáticas dos EUA, o produtor Brasileiro se vê em um ótimo momento, o mesmo não pode ser dito sobre o consumidor, seja o de produtos finais ou as tradings”, conclui.
FONTE: AGROLINK(Leonardo Gottems)